Última semana para ver Brinquedos que Moram nos Sonhos

14 de maio de 2013

Quem ainda não foi não sabe o que está perdendo. Os que puderam conferir querem ir de novo, e de novo, e outra vez… A exposição Brinquedos que Moram nos Sonhos – O Brinquedo Popular Brasileiro é mesmo inspiradora e desperta o lado mais sensível de crianças e adultos. As primeiras ficam ouriçadas diante de tantas possibilidades de aventuras lúdicas. Já a ‘viagem’ dos adultos – incluindo aí os muitos avós que têm marcado presença nos corredores do Museu de Arte da Bahia (MAB) – é resgatar a própria infância, além do prazer de poder indicar aos pequenos a utilidade de objetos, para muitos ainda inteiramente desconhecidos.

O período da mostra, que se encerraria no início de maio, foi prorrogado para o dia 19, domingo. É hora de aproveitar também o pretexto da realização da 11ª Semana de Museus na Bahia para ir ao MAB! Por conta do evento, o horário da exposição dos brinquedos foi ampliado: de 13 a 19 de maio, fica aberta à visitação das 10h às 19h. [DDET Clique para Ler Mais]

COMO É

A quantidade de brinquedos (1,5 mil) e a variedade de artesãos ‘garimpados” pelo fotógrafo Davi Glat impressiona. Dispostos em oito seções, eles arrancam exclamações de espanto e encantamento, especialmente aqueles dispostos na Sala dos Sonhos. Mas cada uma das salas reserva belas surpresas ao público: Sala de Brinquedos, Sala dos Sonhos, Sala do Espetáculo, Sala do Medo, Sala das Reciclagens, Sala do Desafio, Sala das Representações e Sala de Brinquedos de Madeira.

O MAB ainda promove oficina de contação de histórias aos sábados, e apresentação de teatro de mamulengos aos domingos. As atividades acontecem sempre no turno da tarde e comportam até 25 crianças por apresentação. As senhas são distribuídas meia hora antes de cada espetáculo.

Para comemorar o Dia Internacional de Museus, o MAB promoverá o espetáculo musical Ver e Ouvir, com violino, piano e marionetes, nos dias 18 e 19 de maio (sábado e domingo), com sessões às 15h30min e às 17h30min. Os ingressos serão distribuídos mediante inscrição e deverão ser retirados até três dias antes do dia 18, ou seja, nesta quarta, dia 15/5.

ESTRUTURA

Depois de apreciar o belo roteiro, adultos e crianças podem fazer um lanchinho na varanda situada aos fundos da mostra.  No local funciona uma mini lanchonete, que vende água (R$ 2), refirgerante em lata (R$ 3), refrigerante pequeno (R$ 2), capuccino (R$ 3), misto (R$3,50) e paõzinho (R$ 2 com recheio e R$ 1,25 sem recheio). À direita vocês vão encontrar banheiros limpos, que podem ser usados tranquilamente pelo público infantil, embora não haja um específico para as crianças.

Muita gente não sabe que o museu conta com estacionamento próprio (gratuito), situado à direita da entrada principal. Um alívio não ter que disputar uma vaga no Corredor da Vitória e ainda poder se livrar da abordagem dos flanelinhas.

SALA PARA BRINCAR

Discreta também é a sala de recreação situada na parte baixa, junto ao estacionamento – será preciso pegar o elevador na varanda de trás ou descer por fora. A sala é um anexo da exposição e serve para acalmar o (compreensível) ímpeto infantil de querer mexer nos brinquedos vistos na mostra.

A sala interativa tem amarelinha, pista de carros, vários brinquedos, carros e móveis de madeira, bonecos, balanço, jogos e bonecas de pano. Funciona nos dias de exposição até as 18h.

[/DDET]

3 Comentários até o momento

Sua opinião é importante para nós
  1. Fabiane Rocha Dias
    #1 Fabiane Rocha Dias 17 maio, 2013, 12:56

    Proposta linda! Vou levar as minhas filhas sim.

    Reply this comment
  2. swimwear 2012 target
    #2 swimwear 2012 target 1 novembro, 2013, 20:23

    It has been reported which Weis questioned his medical doctor if he or she could help save the lower leg so he or she could consume it pertaining to lunch the next day.

    Reply this comment


Warning: Illegal string offset 'rules' in /home/customer/www/pequenopolisba.com.br/public_html/wp-content/themes/pequenopolis-theme/functions/filters.php on line 191
<

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.